skype  Facebook  Twitter 
 Detalhes do Produto: Escada Estaiada de ardosia
Escada Estaiada de Ardósia

Escada Ardosia Moderna com revestimento Estaiada

Escadas

A escada é um dos elementos construtivos mais antigos e emblemáticos da arquitetura. Além de sua função de vencer desníveis e conectar ambientes, a escada Ardosia Paraopeba pode ser a vedete em um bom projeto de arquitetura. Inúmeras são as possibilidades estéticas desse elemento e ele pode dizer muito sobre o conceito ou a idéia que se quer transmitir a respeito de uma determinada construção ou ambiente.
Ao pensar na sua casa ou apartamento dos sonhos, é possível sair do convencional com muito estilo e bom gosto. Veja Temos Muito a Lhe oferecer :

Escada Estaiada utiliza cabos de aço em sua Lateral fixado na Parte superior da Parede


Este tipo de Piso de Ardósia Slate ,Pizarras Torna seu ambiente diferente e único Crie combinações em Ardósia Fale com Ardósia Paraopeba.Slate ,Pizarras

Ardósia com cortes diferenciados Sob Medida

Origem: Ardósia Paraopeba MG

Ardosia com cortes diferenciados oitavados e sextavados.


Ardosia com cortes diferenciados

A ardósia com com cortes diferenciados é uma rocha sílico-argilosa formada pela transformação da argila sob grande pressão e temperatura, endurecida em finas lamelas.
A ardósia pode ser transformada em soletos, porque tem duas linhas de folhabilidade: clivagem e grão. Isto torna possível que se divida em finas folhas. Coberturas sintéticas e manufaturadas podem, inicialmente, ser mais baratas no acto da colocação, mas os soletos de ardósia durarão muitos e muitos anos, fazendo deste material uma escolha de futuro mais econômica. A ardósia é uma rocha metamórfica. Outras aplicações da ardósia: pavimentos, fachadas, tampos de laboratórios, e em decorações interiores e exteriores. Folhas finas de ardósia preta ou cinza escuro eram o material mais usado na produção de quadros negros, ou lousa. Hoje em dia, com o surgimento de materiais mais adequados, a ardósia deixou de ser usada para esse propósito.
Algumas das mais finas ardósias do mundo têm origem em Campo (Valongo) em Portugal, Escócia e Slate Valley de Vermont e Nova York nos Estados Unidos.
Índice [esconder]
1 Ardósia no Brasil com cortes diferenciados
2 Ver também
3 Referências
4 Ligações externas
[editar]Ardósia no Brasil

O estado de Minas Gerais responde por 95% da produção de ardósia do Brasil[1]. As áreas de extração e beneficiamento de ardósias de Minas Gerais estão situadas nos municípios de Caetanópolis, Curvelo, Felixlândia, Leandro Ferreira, Martinho Campos, Papagaios, Paraopeba e Pompéu. O Brasil é o segundo maior produtor e consumidor mundial.[2] Em 2007, contava com 25 pedreiras e cerca de 200 indústrias de beneficiamento, que geram cerca de cinco mil empregos diretos e mais cinco mil indiretos.
[editar]Ver também

Lista de rochas
Lista de minerais
Referências

↑ www.ardosiaparaopeba.com . Página visitada em 2010-04-23.
↑ www.ardosiaparaopeba.com.br. Página visitada em 2010-04-23.
[editar]Ligações externas

Soletos de Vermont
História da indústria de ardósia do País de Gales
History of the Welsh
Mineralogia da ardósia com cortes diferenciados
[hide]
v ? e
Rochas
Rochas sedimentares Arenito ? Calcário ? Conglomerado ? Diamictito ? Dolomita ? Folhelho ? Siltito ? Travertino ? Tilito ? Varvito
Rochas metamórficas Mármore ? Ardósia ? Quartzito ? Gnaisse ? Pedra-sabão ? Micaxisto ? Xisto ? Xisto Verde ? Xistos Azuis ? Filito ? Itabirito
Rochas ígneas Granito ? Basalto ? Granodiorito ? Sienito ? Gabro ? Diorito ? Riólito ? Andesito ? Obsidiana
copyright 2011 - 2018 | Todos os direitos reservados - http://www.ardosiaparaopeba.com.br
Endereço:Rua D.M.B Bairro: Centro - - Cidade: Paraopeba - MG - CNPJ : Nº 04.726.807/0001-67 - Cep:35.774-000
webmail